Jornal de Pediatria Jornal de Pediatria
J Pediatr (Rio J)2018;94:184-91 DOI: 10.1016/j.jpedp.2017.09.004
Artigo Original
Birth weight and its association with blood pressure and nutritional status in adolescents
Peso ao nascer e sua associação com pressão arterial e estado nutricional em adolescentes
Vanessa Roriz Ferreiraa, Thiago Veiga Jardima,b,, , Thais Rolim Póvoac, Karla Lorena Mendonçaa, Flávia Noggueira Nascentea, Carolina Sousa Carneiroa, Weimar Sebba Barrosoa, Polyana Moraisa, Maria Gondim Peixotoa, Ana Luiza Lima Sousaa, Paulo Cesar Brandão Veiga Jardima
a Universidade Federal de Goiás (UFG), Liga de Hipertensão Arterial, Goiânia, GO, Brasil
b Brigham & Women's Hospital, Division of Cardiovascular Medicine, Boston, Estados Unidos
c Universidade Estadual de Goiás (UEG), Escola Superior de Educação Física e Fisioterapia do Estado de Goiás (Eseffego), Goiânia, GO, Brasil
Recebido 09 Janeiro 2017, Aceitaram 22 Março 2017
Resumo
Objetivo

O manejo de crianças com baixo peso ao nascer não é o mesmo em países com diferentes recursos. Investigamos a associação do peso ao nascer com a pressão arterial e o estado nutricional em uma amostra representativa de adolescentes de uma capital brasileira com o objetivo de identificar possíveis consequências destas diferenças.

Métodos

Estudo transversal de base escolar conduzido com adolescentes (12-18 anos) matriculados em escolas públicas e privadas. Investigou-se o peso ao nascer, a pressão arterial, e o estado nutricional, por meio do índice de massa corporal, do escore z de estatura para idade e da circunferência da cintura.

Resultados

Um total de 829 adolescentes com uma idade média 14.6 ± 1.62 anos foram incluídos, 43.3% do sexo feminino e 37.0% de escolas privadas. A prevalência de baixo peso ao nascer foi 8.7%. Baixa estatura leve foi mais prevalente nos adolescentes com peso ao nascer baixo/insuficiente (11.7 × 4.2% - p < 0.001). Na análise de regressão linear múltipla, para cada aumento de 100 g no peso ao nascer, a estatura aumentou em 0.28 cm (IC 95% = 0.18-0.37; p < 0.01). O peso ao nascer não influenciou a pressão arterial (casual e residencial), o índice de massa corporal e a circunferência da cintura dos adolescentes.

Conclusões

O peso ao nascer esteve diretamente associado à altura, mas não associado à pressão arterial, índice de massa corporal e circunferência da cintura em adolescentes de uma área urbana de um país em desenvolvimento.

Abstract
Objective

The management of children with low birth weight is not the same in countries with different resources. The authors assessed the association of birth weight with blood pressure and nutritional status in a representative sample of adolescents from a Brazilian state, aiming to identify possible consequences of these differences.

Methods

A cross-sectional school-based study was conducted with adolescents (12-18 years) enrolled in public and private schools. Birth weight, office blood pressure, home blood pressure measurements, and nutritional status (body mass index, height z-score for the age, and waist circumference) were assessed. The association of birth weight with the outcomes (blood pressure, height, body mass index, and waist circumference) was studied through univariate and multivariable linear regression models.

Results

A total of 829 adolescents with a mean age of 14.6 ± 1.62 years were included; 43.3% were male, and 37.0% from private schools. The prevalence of low birth weight was 8.7%. Mild low height prevalence was higher among those adolescents with low/insufficient birthweight when compared to those with normal/high birth weight (11.7 vs. 4.2%; p < 0.001). In the multiple linear regression analysis, for each increase of 100 g in birth weight, height increased by 0.28 cm (95% CI: 0.18-0.37; p < 0.01). Birth weight did not influence office blood pressure and home blood pressure, body mass index, or waist circumference of adolescents.

Conclusions

Birth weight was directly associated to height, but not associated to blood pressure, body mass index, and waist circumference in adolescents from an urban area of a developing country.

Keywords
Birth weight, Body mass index, Waist circumference, Height, Blood pressure
Palavras‐chave
Peso ao nascer, Índice de massa corporal, Circunferência da cintura, Estatura, Pressão arterial
J Pediatr (Rio J)2018;94:184-91 DOI: 10.1016/j.jpedp.2017.09.004